Blog

Conheça o primeiro cinema do Brasil que funciona apenas com energia solar

A empresa estima uma economia de R$ 149 mil na conta de luz por ano

Energia solar é responsável pela geração de energia do cinema | Foto meramente ilustrativa

 

O primeiro cinema movido à energia solar do país já se encontra a todo vapor. Inaugurado em dezembro do ano passado em Itajubá (MG), o espaço e movido completamente, e somente, por energia solar. O espaço conta com quatro salas de exibição e capacidade de até 700 pessoas.

A modernização serve para gerar energia limpa e renovável além de reduzir o valor da conta de luz. Intitulado de Cine A Itajubá, o espaço conta com um sistema fotovoltaico formado por 450 módulos, instalados tanto no solo quanto no estacionamento, que também tem estrutura para produzir e abastecer o complexo com energia.

O investimento teve o custo de R$ 14 milhões e foi realizado pela Engie, a maior geradora privada de energia do Brasil. Apenas o cinema teve custo de R$ 661 mil. A empresa espera uma economia anual estimada de R$ 149 mil na conta de luz e um retorno financeiro em até quatro anos.

Além do sistema fotovoltaico, o cinema também tem um sistema de captação de água da chuva, capaz de abastecer 50% do consumo do Cine A Itajubá, e um serviço de coleta de lixo eletrônico, que deve ser utilizado pelos clientes. O complexo estimula ainda o uso alternativo de transporte: além de carregadores para carros elétricos, existe um bicicletário.

Segundo a Engie, o sistema permite economizar até 95% na conta de luz no fim do mês. Dados Agência Nacional de Energia Elétrica apontam que atualmente mais de 63 mil brasileiros utilizam a energia solar. A estimativa do órgão é de que até 2024, o número suba para 886 mil consumidores. A rede Cine A conta com unidades localizadas nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Pará, mas apenas em Itajubá conta com a tecnologia solar.

Como funciona a energia solar

A energia solar é a energia que vem da luz e do calor emitido pelo Sol. Essa fonte de energia pode ser aproveitada de forma fotovoltaica, que gera eletricidade, ou térmica que gera calor. Ela é considerada uma fonte de energia limpa além de ser uma das fontes alternativas mais promissoras para obter energia. A captação pode ser feita por meio de diversas tecnologias, como painéis fotovoltaicos, usinas heliotérmicas e aquecedores solares.

Basicamente funciona assim: Ao ser captada, a luz solar é convertida em energia. Nos painéis fotovoltaicos e nas usinas heliotérmicas, a luz solar é convertida em energia elétrica e térmica. Já no aquecimento solar, a luz solar é convertida apenas em energia térmica.

Redação por Jhade Marinho

22/03/2019 – 13h28

> Voltar

© Copyright 2018 - Rádio Rio de Janeiro

Tsuru Agência Digital
Desenvolvido pela