Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /home/radioriodejaneiro.am.br/public/wp-includes/theme.php on line 356  Extrato de jabuticaba pode previnir diabetes e gordura no fígado | Rádio Rio de Janeiro

Blog

Extrato de jabuticaba pode previnir diabetes e gordura no fígado

O produto deve chegar ao mercado até meados de 2020

Jaboticaba é fruta que previne doenças
A saúde começa na alimentação | Foto meramente ilustrativa

 

Pesquisadores da Unicamp, a Universidade de Campinas, descobriram que o extrato da casca da jabuticaba é capaz de prevenir o pré-diabetes e o acúmulo de gordura no fígado. Ele ainda faz bem para quem passou da meia-idade.

As análises químicas demonstraram que o extrato tem alto teor de compostos fenólicos, como as antocianinas, com efeitos positivos no metabolismo.

E após essa grande descoberta dos pesquisadores, o extrato da casca de jabuticaba vai virar produto comercial! Ele será lançado pela Rubian Extratos, empresa emergente da incubadora de empresas de base tecnológica da universidade.

“Nosso extrato, nos estudos realizados em escala laboratorial, mostrou excelente eficácia e não evidenciamos efeitos colaterais,” declarou o professor Mário Maróstica Júnior, que realizou a pesquisa em conjunto com a professora Valéria Alves Quitete.

O produto será lançado na forma de um suplemento alimentar, registrado na Anvisa, e deve chegar ao mercado até meados de 2020.

Além da autorização dos órgãos regulatórios, ainda é necessário o desenvolvimento do processo em maior escala, assim como a realização de estudos toxicológicos e de embalagem.

Anti-envelhecimento

Os pesquisadores fizeram um experimento com camundongos em processo de envelhecimento para avaliar o limite da dose de extrato da casca de jabuticaba que pode ser consumida para promover os efeitos benéficos desejados. Também foi analisado se uma dose alta do composto amplificaria os efeitos.

O envelhecimento está diretamente associado à redução da capacidade metabólica e alterações do metabolismo hepático, glicídico e lipídico. Durante essa fase, há uma deficiência de controle do nível de glicose no sangue, um aumento da deposição de triglicerídeos no fígado e desequilíbrio hormonal.

Além disso, é comum os idosos apresentarem dislipidemia, hiperinsulinemia, diabetes e doenças cardiovasculares.

Para potencializar esses efeitos do processo de envelhecimento, os pesquisadores ofereceram aos camundongos uma dieta rica em gordura, capaz de promover ganho de peso, aumentar a gordura no fígado, estimular a dislipidemia e aumentar os níveis de glicose.

A dieta possuía cinco vezes mais lipídeos do que uma dieta normal, suficiente para que os animais desenvolverem pré-diabetes e alterações hepáticas em apenas 60 dias.

Em todas as doses do extrato da casca de jabuticaba que foram testadas, o composto foi capaz de impedir o ganho de peso, diminuir o processo inflamatório e reduzir a hiperglicemia e a dislipidemia – o que preveniu o pré-diabetes.

Benefícios

A jabuticaba contém, em sua casca, propriedades que, ao serem inseridas na formulação de um suplemento alimentar, trazem benefícios para a saúde, podendo ser eficazes no controle do peso e utilizadas para prevenir doenças, entre elas a inflamação da próstata.

A descoberta do efeito probiótico da casca da jabuticaba foi feita por pesquisadores da Faculdade de Engenharia de Alimentos da Unicamp. A fabricação do suplemento alimentar de jabuticaba usará o resíduo da indústria de sucos e geleias como fonte de matéria-prima.

Os nutrientes de cada parte da jabuticaba

A jabuticaba tem se destacado mesmo por blindar as artérias, afastar o ganho de peso e muito mais. Veja suas vantagens e os diferentes modos de consumo.

Casca: Apesar de ser dura de mastigar, ela contém fibras que valem a pena o desafio. Além disso, a estrutura lustrosa e adstringente esbanja antocianinas, grupo de pigmentos badalado por sua ação antioxidante.

Polpa: O caldo interno contém diversas vitaminas e reúne as do complexo B e a C. Também contêm minerais como potássio e pitadas de fósforo e ferro. Sem contar a concentração de carboidrato, que deixa tudo doce.

Semente: Até mesmo ela, desperdiçada pela maioria, guarda raridades, caso dos taninos, substâncias protetoras das células. Há ainda fibras e algumas gorduras do bem.

Redação por Lohrrany Alvim

12/06/2019 – 08h52

> Voltar

© Copyright 2018 - Rádio Rio de Janeiro

Tsuru Agência Digital
Desenvolvido pela