Blog

Menino diagnosticado com deficiência visual emociona o público ao tocar bateria em show no Japão


A cegueira de nascença não impediu o jovem de realizar o sonho | Foto meramente ilustrativa

O menino Hibiki Sakai, de 12 anos, é totalmente cego desde que nasceu. Apesar da adversidade, o jovem emocionou não apenas seus pais, mas toda a plateia e até os músicos da banda Def Tech ao tocar bateria durante um show em Osaka, no centro-oeste do Japão.

Mas, para chegar lá, foram necessários quatro anos e meio de treino. Tudo começou em 2013, quando Sakai esteve pela primeira vez em um show da banda e foi apresentado aos músicos, que ficaram sabendo que ele gostava de tocar bateria.

Eles lançaram então o desafio: “Vamos te esperar por quatro anos. Você consegue, você tem quatro anos”.

Em julho de 2018, ele teve a chance de mostrar o resultado em um vídeo que, por sua vez, foi divulgado somente nesta semana pela emissora norte-americana NBC e, posteriormente, por outras emissoras, como a japonesa Nippon TV News 24 Japan.

Segundo os pais do menino, seu interesse por música, e especificamente pela bateria, começou quando ele era bastante jovem. Com três anos de idade, seu pai o colocou pela primeira vez diante do instrumento, e ele começou a brincar com os sons e adorou.

Depois da proposta dos integrantes da Def Tech, Sakai passou a ter aulas com professores e decidiu se tornar um profissional. No dia do show, ele agradeceu aos aplausos da plateia e mandou um recado especial para a mãe que, entre lágrimas, assistiu emocionada à sua apresentação.

“Mamãe, obrigado por me criar. Sou muito feliz por ter nascido como eu. Trabalharei duro e passarei minha vida como um baterista profissional. Mamãe, não chore mais”, disse o menino.

Outro caso de superação

O jovem Kodi Lee, de 22 anos, também viveu um momento parecido. O rapaz participou do programa America’s Got Talent, exibido nos Estados Unidos, e emocionou a plateia com seu talento musical que superou todas as barreiras físicas e mentais que ele poderia ter por ser cego e autista.

Kodi mora na Califórnia e se apresentou no programa tocando piano e cantando. A música escolhida para a apresentação foi “A Song For You”, de Donny Hathaway, e logo nos primeiros acordes os jurados do programa ficaram impressionados.

A mãe de Kodi, Tina, o acompanhou na apresentação e declarou que seu filho sempre teve o sonho de ser cantor.

“Desde o começo percebemos que ele amava música. Depois, ele começou a cantar e foi quando comecei a chorar, porque percebi que era um artista. Foi graças à música e à interpretação que ele conseguiu suportar viver neste mundo. De fato, a música salvou a vida dele”, revelou a mãe.

Até mesmo Simon Cowell, o jurado mais exigente do programa, se emocionou com a apresentação de Kodi.

“O que aconteceu aqui foi extraordinário. Muito obrigado por ter nos tocado nesta apresentação. Eu vou me lembrar deste momento pelo resto da minha vida”, comentou.

A atriz, cantora e modelo Gabrielle Union, a mais nova jurada do programa, também se emocionou e deu ao jovem cantor a passagem direta para a próxima etapa do programa.

Redação por Fernando Ferreira.
21/06/2019 – 16h03

> Voltar

© Copyright 2018 - Rádio Rio de Janeiro

Tsuru Agência Digital
Desenvolvido pela