Blog

Projeto cria delivery gratuito de livros no Rio de Janeiro

O objetivo da iniciativa é incentivar a leitura em tempos de isolamento social.

Por: Lohrrany Alvim
26/07/2020 – 15h39
Cada leitor pode pedir apenas um livro por vez.
Cada leitor pode pedir apenas um livro por vez.

 

Por conta da pandemia do novo coronavírus, diversos projetos tiveram que se adaptar a nova realidade de distanciamento social. O ônibus-biblioteca, iniciativa que conta com um acervo de mais de dois mil livros, não circula desde março na cidade do Rio de Janeiro. Pensando em uma alternativa, o projeto “Livros nas Praças” passou a oferecer uma nova modalidade de empréstimo: o delivery de livros.

Você, morador da cidade do Rio de Janeiro, pode solicitar títulos por meio da internet e recebê-los em casa de forma gratuita. A idealizadora Cristina Figueiredo ressalta que, com a pandemia, foi necessário repensar como seria a atuação do projeto.

“O delivery surgiu como opção porque foi um serviço que se popularizou muito nos últimos meses e pode atender leitores das mais diversas regiões, mas principalmente a população mais vulnerável, que não pode investir em livros e não costuma ter bibliotecas por perto”, destaca Cristina.

 

Como funciona

O serviço oferece livros para todas as faixas etárias, de crianças a adultos. Se você se interessou pelo projeto e quer realizar um empréstimo, basta acessar a lista de obras disponíveis por meio deste link. Após a escolha do livro, você vai enviar uma mensagem para o número de WhatsApp (21) 99419-8869, informando o nome ou o código da obra, além do seu endereço e nome completo. A entrega e a devolução do livro são feitas pelos Correios.

Cada leitor pode pedir apenas um livro por vez. Assim que receber a obra em casa, terá um período inicial de 30 dias para concluir a leitura, podendo prorrogar o empréstimo caso seja necessário. Na hora da devolução da obra, basta entrar em contato atrás do telefone do projeto e o exemplar será retirado na casa do solicitante. Cristina ainda explica como ficará o projeto com o fim do distanciamento social.

“Os apoiadores do projeto também estão nos incentivando a manter o delivery mesmo com a volta do ônibus, que talvez ocorra em agosto, seguindo todas as recomendações sanitárias. Toda a equipe está animada porque essa é uma chance não só de atender àqueles que já conheciam o projeto como também conquistar novos leitores”, conclui a idealizadora.

Para garantir a segurança dos próximos leitores, todas as obras serão higienizadas ao retornarem para o projeto. Por se tratarem de objetos de papel e pensando em não estragar o produto, os livros vão passar por um equipamento com radiação ultravioleta, que elimina micro-organismos de superfícies.

Veja também: Professora cria kit para amenizar saudade dos alunos durante a pandemia no Rio

> Voltar

© Copyright 2018 - Rádio Rio de Janeiro

Tsuru Agência Digital
Desenvolvido pela