Blog

Setembro Amarelo: Animais podem ajudar na prevenção do suicídio

Por: Lohrrany Alvim
29/09/2020 – 15h47
Saiba como os cachorros podem ajudar na prevenção do suicídio e de doenças. (Foto reprodução Internet)

 

O mês de setembro está chegando ao fim e, consequentemente, mais uma campanha conhecida como “Setembro Amarelo”. Mas não podemos deixar o assunto ser esquecido. A ideia é conscientizar as pessoas para que o tema seja debatido durante todo o ano. Mas o que leva uma pessoa ao suicídio? Como podemos auxiliar? Apesar de ser um grave problema público, é possível evitá-lo.

Quem tem um animal de estimação sabe que ele traz muita alegria, mas muitas pessoas ainda desconhecem os benefícios físicos e mentais que um bichinho em casa pode proporcionar. Estudos apontam que ter um pet ajuda também na prevenção de suicídios. O veterinário Francisco Gonçalves, há 40 anos no ramo e trabalhando em prol da causa animal desde então, cita alguns benefícios.

“Os pets são anjinhos de quatro patas ou até de duas, eles nos dão carinho, alegria e conseguem até descobrir se estamos doentes, no caso do câncer. Com relação ao suicídio, a pessoa que cuida do pet cria um laço amoroso e faz com que reconheça a responsabilidade que possui sobre o animal de estimação pensando duas vezes em cometer o suicídio”, explica o especialista.

 

Pets como prevenção

Diversos estudos começaram a revelar cientificamente os benefícios do vínculo humano-animal. Um deles é da Associação Americana de Saúde do Coração, que ligou o convívio com animais de estimação, especialmente cães, com o risco reduzido de doenças cardíacas e maior longevidade. Estudos também descobriram que donos de cães são menos propensos a sofrer de depressão do que aqueles sem animais de estimação. Outro tópico da pesquisa é que pessoas com cães têm menor pressão arterial em situações estressantes do que aquelas sem animais de estimação.

Outro estudo descobriu que, mesmo quando as pessoas com hipertensão leve adotaram cães de um abrigo, a pressão arterial diminuiu significativamente em poucos meses. Para quem não sabe, brincar com um cão ou gato pode elevar os níveis de serotonina e dopamina, o que acalma e relaxa. A presença de um animal de estimação também pode aliviar a solidão. Por fim, a companhia de um cão serve como um estímulo para o exercício saudável, o que pode melhorar o humor e aliviar a depressão.

 

Ajuda e rede de apoio

A cada 40 segundos, alguém, em algum lugar do mundo, tira sua própria vida. Mas, a cada dez casos, nove poderiam ter sido identificados e evitados. Quase 800 mil pessoas morrem por suicídio todos os anos de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS). Essa é a segunda maior causa de morte entre jovens de 15 a 29 anos, atrás apenas de acidentes de trânsito.

Especialistas afirmam que o mais importante é que as pessoas não fiquem com este sentimento somente para si. Converse, busque ajuda e tente orientar aqueles que demonstram esse sentimento para que procurem atendimento na rede de saúde.

Quem precisa de ajuda também pode entrar em contato com o Centro de Valorização da Vida. O CVV realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone (188), e-mail e chat 24 horas todos os dias.

Veja também: Site lista melhores filmes para elevar o astral

> Voltar

© Copyright 2018 - Rádio Rio de Janeiro

Tsuru Agência Digital
Desenvolvido pela