Plantão Rio Notícias

Alta de 17% no botijão de gás faz famílias recorrerem a empréstimo e lenha

Enviado em 15 de junho de 2018 às 13:55 | Publicado por Equipe Rádio Rio de Janeiro

Nos últimos 12 meses, o preço médio do botijão de gás residencial subiu 17%, de R$ 57 para R$ 67, segundo o levantamento de preços da Agência Nacional do Petróleo. Segundo o IBGE, o número de famílias que cozinham com lenha ou carvão aumentou em 2017, o que pode ser decorrência da alta do gás. É um aumento parecido com o do óleo diesel, de 20% no mesmo período, que motivou a greve dos caminhoneiros. Além disso, é uma alta muito acima da inflação, de 2,86% nos últimos 12 meses. O coordenador do Índice de Preços ao Consumidor da Fundação Getúlio Vargas André Braz, explica que o aumento acima da inflação significa que as famílias estão abrindo mão de comprar outras coisas para comprar o botijão de gás, que é essencial. Segundo o IBGE, o número de famílias que cozinham com lenha ou carvão aumentou em 2017, o que pode ser decorrência da alta do gás.

 

> Voltar

© Copyright 2018 - Rádio Rio de Janeiro

Tsuru Agência Digital
Desenvolvido pela