Plantão Rio Notícias

Composto de planta da Mata Atlântica combate Leishmaniose e Chagas.

Enviado em 15 de julho de 2019 às 16:55 | Publicado por Equipe Rádio Rio de Janeiro

Um estudo realizado pelo instituto Adolfo Lutz em São Paulo , e pela universidade de Oxford, revelou que o composto derivado da planta originária da Mata Atlântica, conhecida como canela-seca ou canela-branca, combate parasitas que transmitem a leishmaniose visceral e a doença de Chagas. Os pesquisadores dessas instituições se dedicaram na identificação de substâncias com origem na biodiversidade da Mata Atlântica que poderiam resultar em novos tratamentos para as chamadas doenças negligenciadas, aquelas causadas por agentes infecciosos ou parasitas que afetam principalmente populações mais pobres. Além da leishmaniose e chagas, o composta também ajudou no tratamento da dengue, malária e doença do sono.

> Voltar

© Copyright 2018 - Rádio Rio de Janeiro

Tsuru Agência Digital
Desenvolvido pela