Plantão Rio Notícias

Empresa diz que não terá como manter Samu do Rio em funcionamento sem repasses

Enviado em 23 de julho de 2020 às 22:55 | Publicado por Equipe Rádio Rio de Janeiro

Representantes da OZZ Saúde disseram que não terão mais condições de fazer o pagamento dos funcionários e manter o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência da cidade do Rio de Janeiro em operação. A afirmação foi feita durante sessão da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, realizada nesta quarta-feira. Devido a irregularidades apontadas por três órgãos no contrato de R$ 166.553.000, firmado em março deste ano com a Secretaria de Estado de Saúde para gerenciar o Samu na capital, a empresa deixou de receber os pagamentos que deveriam ser feitos pelo Estado. No dia 13 de julho, profissionais do Samu do Rio denunciaram que estão trabalhando em ambulâncias com pneus carecas, bancos rasgados, sem oxigênio e até sem médicos.

> Voltar

© Copyright 2018 - Rádio Rio de Janeiro

Tsuru Agência Digital
Desenvolvido pela