Plantão Rio Notícias

Investigação do Ministério Público do Rio de Janeiro aponta superfaturamento de R$ 6 milhões na Saúde

Enviado em 30 de setembro de 2020 às 16:55 | Publicado por Equipe Rádio Rio de Janeiro

Uma investigação do Ministério Público do Rio de Janeiro apontou superfaturamento de quase R$ 6 milhões na compra de medicamentos, produtos hospitalares e equipamentos de proteção individual durante a pandemia do novo coronavírus. Além do ex-secretário de saúde do Rio de Janeiro, Edmar Santos, os ex-subsecretários Gustavo Borges, Gabriell Neves e mais cinco empresas são acusadas de improbidade administrativa. Mesmo sem o processo de licitação, a Secretaria de Saúde é obrigada a realizar uma pesquisa de preços antes de fechar o contrato, o que não aconteceu. Segundo o MP, as mesmas empresas eram consultadas pela Saúde e havia um revezamento entre elas.

> Voltar

© Copyright 2018 - Rádio Rio de Janeiro

Tsuru Agência Digital
Desenvolvido pela