Plantão Rio Notícias

Justiça nega pedido para suspender o retorno facultativo das escolas particulares no Rio

Enviado em 03 de agosto de 2020 às 18:55 | Publicado por Equipe Rádio Rio de Janeiro

O plantão judiciário do Tribunal de Justiça negou o pedido de liminar do Ministério Público e da Defensoria Pública do Rio de Janeiro para suspender o retorno facultativo das aulas presenciais em escolas privadas do município a partir desta segunda-feira. A autorização foi dada pelo prefeito Marcelo Crivella na última sexta para a fase 5 da reabertura gradual durante a pandemia do coronavírus. O MP e Defensoria ajuizaram uma ação civil pública na qual alegavam que a decisão trazia risco à saúde pública, além de promover desigualdade de acesso à escola — já que a rede pública ainda não tem data para o retorno. O Ministério Público e a Defensoria também pedem que a Justiça proíba o prefeito de permitir o retorno das atividades presenciais nas creches e nas escolas da rede privada.

> Voltar

© Copyright 2018 - Rádio Rio de Janeiro

Tsuru Agência Digital
Desenvolvido pela