Plantão Rio Notícias

Médicos pedem demissão do Hospital de campanha do Maracanã alegando ‘falta de condições’

Enviado em 28 de maio de 2020 às 16:55 | Publicado por Equipe Rádio Rio de Janeiro

Profissionais de saúde da unidade consideram as condições de trabalho no Hospital de Campanha do Maracanã longe das ideais. Por causa das dificuldades com insumos e falhas na gestão dos trabalhos, de administração da Organização Social Iabas, um dos alvos da Operação Placebo, muitos médicos estão pedindo demissão. Uma médica afirmou ter desistido após dois plantões e a constatação de problemas com equipamentos, resultados de exames, e coordenação de equipe. A unidade, que quando tiver 100 por cento de sua capacidade, oferecerá 400 leitos para pacientes de Covid-19, foi inaugurada no último dia 9, após nove dias de atraso. Ela é administrada pelo Instituto de Atenção Básica e Avançada à Saúde, um dos alvos, assim como o próprio governador Wilson Witzel, da investigação sobre fraudes na compra emergencial de equipamentos para o enfrentamento da pandemia.

> Voltar

© Copyright 2018 - Rádio Rio de Janeiro

Tsuru Agência Digital
Desenvolvido pela