Plantão Rio Notícias

Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, pede a prisão preventiva dos executivos da JBS

Enviado em 08 de setembro de 2017 às 12:21 | Publicado por Equipe Rádio Rio de Janeiro

Após ouvir os depoimentos dos executivos da JBS sobre os áudios de negociação da própria delação, o Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, resolveu anular os benefícios concedidos a Joesley Batista e Ricardo Saud. Com isso, Janot deve pedir ao Supremo Tribunal Federal a prisão preventiva dos investigados. Para o Ministro Edson Fachin, relator do caso, deve determinar a prisão de ambos caso tenha indícios mínimos que tenha a necessidade para tomar tal medida. Para que os dois possam ser presos, é necessário que o pedido seja encaminha do em conjunto com a rescisão de acordo de colaboração premiada firmada entre eles e a PGR.

> Voltar

© Copyright 2015 - Rádio Rio de Janeiro

Tsuru Agência Digital
Desenvolvido pela