Plantão Rio Notícias

Procuradoria-Geral da República estuda pedir a federalização para o crime de motim

Enviado em 13 de fevereiro de 2017 às 10:30 | Publicado por Equipe Rádio Rio de Janeiro

Em meio a mobilizações de policiais militares no Espírito Santo e no Rio de Janeiro, a Procuradoria-Geral da República estuda pedir a federalização do crime de motim. O objetivo seria evitar o “aquartelamento das forças estaduais”, o que, de acordo com a PGR , acaba comprometendo a ordem pública dos municípios onde os familiares de PMS estão impedindo a saída de viaturas dos batalhões. Durante visita a vitória para discutir a paralisação do efetivo, o Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, ofereceu a contribuição do ministério público e defendeu uma “solução pacífica” para o caso. De acordo com o órgão, Janot participou de reuniões com membros dos ministérios públicos estadual e federal para discutir possíveis soluções para a paralisação.

> Voltar

© Copyright 2015 - Rádio Rio de Janeiro

Tsuru Agência Digital
Desenvolvido pela