Sobre a Fundação

Ao Amigo Gerson Simões Monteiro

Homenagem merecida

Ao Gerson Simões Monteiro,

Pois no trabalho do bem

Entregou-se por inteiro.

Quando ainda jovem,

Sua mente, qual um leque,

Abriu-se ao conhecer

Os livros de Kardec.

Para divulgar a Doutrina

Não lhe faltava o vigor,

Por ir abrindo veredas

Ele era chamado de “trator”.

Fosse distância ou tempo,

Nosso amigo não media,

Indo sempre a Caratinga,

Ou lá no Santa Maria.

No trabalho de Unificação,

Por Paiva iniciado,

Trabalhou com destemor

Percorrendo nosso Estado.

Na USEERJ, na Rádio,

Dedicou-se com penhor,

Da pureza doutrinária

Foi sempre um defensor,

Merecia versos melhores

Pois na poesia não sou gênio,

Mas receba a gratidão

Do amigo Lydienio.

Versos feitos para o Encontro de Amigos do Gerson, realizado pelo CEERJ, em 25 de novembro de 2017.

Lydienio Barreto de Menezes

> Voltar

© Copyright 2018 - Rádio Rio de Janeiro

Tsuru Agência Digital
Desenvolvido pela